Soneto Gramático

Mamãe quer que eu me crase
com uma figura de linguagem
papai quer que eu trabalhe
como rima de perfeita metragem

Sistema quer que eu concorde
com algum Pronome Possesivo
governo quer que eu me porte
Predicativo do Passivo

Meu Deus quer que eu siga
com a linha reta que liga
minha pena em folha retinta

Já o diabo quer um ponto final
e, como eu não lhe dou moral,
anseia que me acabe a tinta

Anúncios

5 respostas em “Soneto Gramático

  1. Esse teu poema tá absolutamente sublime. Tudo o que você escreveu aqui é fantástico, mas esse é estratosféricamente fenomenal.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s