Sobre/sob as ideias

– As ideias prensam, logo, existem.

– As ideias recém-nascidas não dormem. Quando nos recolhemos, elas ficam de espreita na beira da cama, se alimentando das migalhas dos sonhos.

– As ideias são tão individualistas quanto os espermatozóides. A diferença é que muitas não criam nada.

– As ideias são covardes. Só atacam em bando.

– Ideias nunca morrem, são formalmente executadas e canibalizadas.

– Na verdade, são as ideias é que têm você.

Anúncios

2 respostas em “Sobre/sob as ideias

  1. Gilberto, parabéns pelo teu espaço, pela reflexiva ideia, um ideal de seguir… e já respondi teus versos la na Comunidade Gullar.

    Apareça em Vidráguas, um beijo amigo e que os nossos versos prossigam!

    Carmen Silvia Presotto

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s